sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

brincando com fogo



Duas coisas que ficam armazenadas em lados opostos, beeeem longe uma da outra na minha cabeça são: crianças e fogo.
Aparentemente eu e outras poucas pessoas, especialmente de países tropicais, não acreditamos que crianças devam ter contato direto com fogo por muitos, muitos anos.
Por um lado eles precisam aprender a lidar com esse tipo de coisa, mas o instinto de proteção berra mais alto.
Na Noruega a coisa não é bem assim: uma escola infantil encomendou a uma firma de arquitetura uma lareira externa para fazer parte do parquinho. A intenção é usar o espaço para brincar e contar histórias durante os meses de outono e inverno.
O projeto foi o resultado de muito bom gosto, inspiração nas tradições norueguesas e quase nada de dinheiro. E deu nisso.


Um comentário:

Cristiane A. Fetter disse...

Vivendo e aprendendo outras culturas.
bjks